Santa Branca
Um pouco de História Pontos Turísticos Comércio e Serviço Atividade Econômica
  Canas
  Cunha
  Lorena
  Potim
   Veja ainda:
Minas Gerais
Paraná
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
Pontos Turísticos

Aqui você irá encontrar textos e fotos sugerindo locais para a visitação. Inicialmente, será dada prioridade para os aspectos culturais de Santa Branca, não invalidando que sejam abordados locais meramente marcados por sua beleza natural ou potencial turístico.

 
Igreja Matriz de Santa Branca
A construção por escravos da primitiva capela teve início em 1828 levantada sobre alicerces e paredes de taipa de pilão, constituindo desde então o núcleo gerador do conjunto arquitetônico hoje existente. O patrimônio religioso é de uso público, recebendo fiéis e visitantes para conhecer esta obra do tempo imperial. Está localizada na Praça Principal da cidade, que é a Praça Ajudante Braga.
Igreja do Rosário
Constitui patrimônio de grande valor histórico, construída em 1869, em taipa de pilão, com duas torres marcantes da época dos mestres de construções em taipa. Seu uso é público, recebendo os fiéis nos cultos eventos religiosos, tem como, visitas de turistas que apreciam prédios históricos. Localiza-se na Praça Rui Barbosa, Praça esta também conhecida por Praça do Rosário, em razão da igreja.
Capela São Sebastião
Constitui uma pequena Capela construída pelos fiéis a São Sebastião no início do século, sendo um patrimônio conservado, e visitado por turistas e seu uso é público. Está localizado na Zona Urbana do Município no Bairro São Sebastião.
Toca do Leitão
Constitui a orla da represa do Rio Paraíba do Sul, numa extenSão de 15.000 m², é uma Área de pesca, lazer e recreação e prática de esportes aquáticas. A represa com Área inundada no Município de Santa Branca de 781 Km, segundo dados da Light - Serviços de Eletricidade, é ideal para passeios de barcos, onde pode-se conhecer diversas ilhas com seus animais e pássaros silvestres.

Seu uso público, recebendo um fluxo de turistas, nos finais de semana, dado a proximidade de Santa Branca aos grandes centros urbanos como São Paulo, São José dos Campos, Jacareí, Taubaté e Mogi das Cruzes etc. A facilidade de acesso ao município pela Via Dutra ou Rodovia Carvalho Pinto é o fator positivo para o aumento da População flutuante. A "Toca do Leitão" está situada no Jardim Santa Branca a 4 Km da Sede Municipal.

O acesso a "Toca do Leitão", através da Avenida Santa Luzia, pavimentada, a mesma de acesso aos moradores do Jardim Santa Branca, transitável em qualquer época do ano. É uma atração turística conhecida por todos os moradores residentes de Santa Branca, que mesmo se não houvesse sinalização, seria fácil a qualquer visitante receber informação para chegar a "Toca do Leitão".

Cachoeira do Putim
A Cachoeira do Putim, no Ribeirão do mesmo nome, tem uma queda d’água de aproximadamente 50 metros sobre laje de pedras, é uma Área de lazer e recreação. Apesar está situado em terreno particular de seu uso público. Localiza-se no Bairro do Putim, divisa com Município de Guararema distante 15 km do centro Urbano de Santa Branca. De propriedade particular mas o seu uso é público, inclusive tendo servido de Cenário para filme. O acesso ao público faz-se pela Rodovia Municipal T. Couto de Oliveira (Estrada Santa Branca/ Guararema), estrada de terra batida, transitável em época do ano.
Edifício Ajudante Braga
Destaca-se pela sua beleza arquitetônica constituindo o patrimônio histórico de realce na Praça Municipal da Cidade. Construído pelo Ajudante Braga, na época imperial, com a mão de obra escrava, com paredes de Taipa de Pilão, ainda conserva seus lustres, imperiais constituindo um marco histórico da época áurea do café.

Atualmente o Prédio pertence à Câmara Municipal de Santa Branca, mas recebe visitantes que apreciam prédios históricos. O Edifício está localizado na Praça Municipal, praça esta que possui nome Praça Ajudante Braga.
Seu atrativo: Patrimônio Histórico pertence a Câmara Municipal de Santa Branca. Por sua localização, Praça Ajudante Braga, é de fácil acesso e identificar do prédio, em decorrência que está localizado no Centro Urbano.

Ponte Metálica
Através de 02 pilares de pedras, que sustentam as ferragens de origem inglesa, considerada pelos construtores da época como um dos materiais mais resistentes do mundo, para a estrutura da ponte, foi construída em 1902, pelo engenheiro e escritor Euclides da Cunha, sobre o Rio Paraíba do Sul, a ponte Metálica. A ponte Metálica serviu de ligação de Santa Branca a Jacareí, até 1983, quando foi construído ao lado uma Ponte de concreto. Atualmente a mesma serve de passagem para pedestres e ponto de parada dos pescadores.

A Ponte Metálica situa-se no Bairro da Angola, a 4 km da Sede municipal, na rodovia Nilo Máximo (SP. 77). O patrimônio é de propriedade do Governo do Estado de São Paulo, e a sua manutenção está a cargo do Departamento Estadual de Estradas e Rodagem - DER. A facilidade de acesso ao patrimônio dá-se em razão de sua localização, passagem obrigatória de santa Branca à Jacareí e vice-versa.

Parceria Contra Drogas   Projeto Rio Vivo   Combate a Pedofilia na Internet
Início
 
Sua página inicial
 
Nos seus favoritos
 
Topo
Bookmark and Share
BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina
ABRAWEB IBAMA Fundação Abrinq
Nós Podemos
Aviso Legal