São José dos Campos
Um pouco de História Pontos Turísticos Comércio e Serviço Atividade Econômica
  Canas
  Cunha
  Lorena
  Potim
   Veja ainda:
Minas Gerais
Paraná
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
Aqui você encontra as principais informações para conhecer a cidade de São José dos Campos.
Cidade de São José dos Campos

São José dos Campos faz parte dos primeiros povoamentos da região, foi criado a partir de um aldeamento jesuíta de índios, de nome aldeia de São José. No início, teve um desenvolvimento lento, devido a não fazer parte dos caminhos mais importantes para as Minas. No entanto, no final do século XIX, já começam a aparecer as primeiras fábricas.

Porém, seu salto de desenvolvimento se dará mesmo no século XX, tendo seu pico com a chegada da Rodovia Presidente Dutra, e do CTA (Centro Técnico Aeroes- pacial), além do ITA (Instituto Técnológico da Aeronáutica).

Tornar-se-a, assim, numa cidade de cunho industrial, com grande número de indústrias, escolas, centros culturais e de lazer, etc.

Números Gerais
 
 Fundação
 1.767
 Altitude
 600 m
 População
 627.544 habitantes
 Homens
 307.394
 Mulheres
 320.150
 Urbana
 615.610
 Rural
 11.934
 Área Total
 1.099,6 km²
 Densidade Demográfica
 570,70 hab/km²
 CEP
 12200-000
 DDD
 12
 
 
Mapas

Novo sistema com o mapa das principais cidades. Você pode escolher entre mapa de ruas ou fotos de satélite ou os dois juntos!

Sites Oficiais

 Prefeitura Municipal:
 Câmara Municipal:

Informações Complementares

 Localização:
• São José dos Campos está situado no Trópico de Capricórnio e na anomalia do campo magnético da terra
 Classificação:
• Município Turístico
 Vocação:
• Turismo Tecnológico, Ecológico e Histórico-Cultural
 Coordenadas Geográficas:
• Latitude: 23º 11' 15" sul
• Longitude: 45º 56' 15" W
 Distâncias:
• São Paulo - 84 km
• Rio de Janeiro - 321 km
• Belo Horizonte - 611 km
• Brasília - 1.114 km
• Jacareí - 16 km
• Caçapava - 22 km
• Jambeiro - 32 km
• Monteiro Lobato - 33 km
• Igaratá - 35 km
• Taubaté - 42 km
• Caraguatatuba - 84 km
• Sapucaí Mirim - 85 km
• Campos do Jordão - 93 km
• Piracaia - 100 km
• Joanópolis - 118 km
• Santos - 160 km
• Camanducaia - 177 km
• Monte Verde - 210 km
 Acessos:
• BR-116 - Rodovia Presidente Dutra
• SP-50 - Rodovia Estadual
• SP 99 - Rodovia dos Tamoios
• Rodovia Estadual Carvalho Pinto
• Rodovia Estadual D. Pedro I
 Limites:
• Norte - Camanducaia, Sapucaí Mirim
• Sul - Jacareí, Jambeiro
• Leste - Monteiro Lobato, Caçapava
• Oeste - Igaratá, Joanópolis, Piracaia
 Clima:
• O clima da cidade é mesotérmico úmido, e as chuvas abundantes vão de novembro a março, correspondendo a 72% do volume anual, ficando os 28% restantes entre maio e outubro. A umidade relativa média anual é de 76%. As massas de ar tropical predominam durante 50% do ano, seguidas pelas de ar frio.
 Temperatura:
• Verão - Média da temperatura máxima - 29,6° C
• Inverno - Média da temperatura mínima - 12° C
 Topografia:
• Montanhosa, com colinas ao norte que variam de 660 a 975 metros, denominadas "Mar de Morros"; terraços e colinas tubulares, onde encontra-se a parte urbana da cidade; as serras do Planalto Atlântico, cujas altitudes atingem 800 metros, além das regiões alpinas, compostas por morros, serras e picos, com altitudes que variam de 619 a 2.082 metros, figurando entre os 32 pontos mais altos do país.
 Hidrografia:
• O município de São José dos Campos está inserido na Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul, que atravessa longitudinalmente o município e caracteriza-se por possuir em sua margem esquerda afluentes mais significativos em volume de água que os existentes em sua margem direita onde destaca-se o Rio Jaguari e o Rio Buquira. Já em sua margem direita, ocorrem vários tributários, que se não apresentam um volume de água significativo, tem grande importância, porque percorrem toda a malha urbana e constituem grande parte do sistema de drenagem urbana do município destacando-se o Rio Comprido, o Rio Pararangaba e o Rio Alambari.

Dentro da riquíssima rede hidrográfica do município, de importância tanto para o abastecimento da População quanto para a pecuária, ressalta-se a existência do rio do Peixe, afluente do rio Jaguari, e que constitui uma extensa bacia hidrográfica que ocupa grande parte da região norte do município, cujas águas contribuem significativamente para a represa do Jaguari, grande reservatório da CESP para a produção de energia elétrica na região.

Aliada ao relevo montanhoso, esta rede hidrográfica produz grande número de acidentes fluviais e cachoeiras. A qualidade da água do lençol freático é ótima, e os poços artesianos da região possuem vazão média de 30m²/hora.

 Vegetação:
• Item não disponível
Parceria Contra Drogas   Projeto Rio Vivo   Combate a Pedofilia na Internet
Início
 
Sua página inicial
 
Nos seus favoritos
 
Topo
Bookmark and Share
BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina
ABRAWEB IBAMA Fundação Abrinq
Nós Podemos
Aviso Legal