Itu
Um pouco de História Pontos Turísticos Comércio e Serviço Atividade Econômica
  Itu
  Salto
  Tietê
   Veja ainda:
Minas Gerais
Paraná
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
Pontos Turísticos

Aqui você irá encontrar textos e fotos sugerindo locais para a visitação. Inicialmente, será dada prioridade para os aspectos culturais de Itu, não invalidando que sejam abordados locais meramente marcados por sua beleza natural ou potencial turístico.

 
Casa Bandeirista - Chácara do Rosário
A Chácara do Rosário, antigo Engenhos Grande, com sua notável casa bandeirista, é um dos monumentos históricos, arquitetônicos e paisagísticos mais valiosos de Itu. A primeira aquisição de terras no local deu-se em 1756, por Antônio Pacheco da Silva, filhos de Manuel Pacheco Gato, sobrinho de Balthazar Borba Gato e ascendente do atual proprietário , que restaurou a casa para sua residência, conservando o seu mobiliário e a preciosa documentação existente desde a época das bandeiras. As visitas precisam ser agendadas pelo fone (011) 4023-0624 (Chácara do Rosário) com os senhores João ou Fernando.

Fábrica São Luiz
Na esquina da Rua Paula Souza com a Praça Dom Pedro I, ergueu-se o edifício que abrigou a primeira fábrica de tecidos movida a vapor do Estado de São Paulo. Inaugurada em 1869, foi construída com o capital de um grupo de capitalistas locais. A fábrica foi ampliada no final do século XIX, com o projeto do engenheiro Artur Sterry, da Companhia Ituana de Estradas de Ferro. Depois de mais de um século de funcionamento, a encerrou suas atividades na década de 1980.
Fone: (11) 4013-4554, (11) 9760-7267 (Maria Sofia)
Cruzeiro de São Francisco
No antigo largo de São Francisco, atual Praça Dom Pedro I, um cruzeiro erguido em cantaria, trabalho atribuído a Frei Antônio de Pádua, é a única memória que resta do imponente conjunto formado pelas edificações do Convento e a Capela de Ordem Terceira, erguido pelos Franciscanos entre os séculos XVII e XVIII, fase áurea do bandeirismo, quando Itu era denominada de “boca do sertão”. Dentre os registros iconográficos deste Convento, que vieram do século XIX, destaca-se uma excelente aquarela executada por Miguelzinho Dutra, pintor ituano em 1845, abrangendo o “Largo de São Francisco”, atual Praça D. Pedro l.

Mercado Municipal
A proposta para edificação do Mercado Municipal de Itu data de 1886, mas sua inauguração somente iria se concretizar a 14 de maio de 1905. Construído com projeto do escritório técnico de Ramos de Azevedo, responsável pela construção do Teatro Municipal de São Paulo e de inúmeras outras importantes obras em todo o Estado, o mercado apresenta espaços livres que constituem pequenas praças, onde se desenvolvem atividades ricas e espontâneas da População e que apresentam mesmo algumas características de lazer. 4013-4937.

Instituto Borges
À Praça Conde de Parnaíba, em amplo terreno arborizado, ergue-se o Instituto Borges de Artes e Ofícios, que foi construído com projeto de Ramos de Azevedo. Inaugurado em 1924, o Instituto deve sua criação a Joaquim Bernardes Borges, falecido em Portugal depois de ter residido, por vários anos, em Itu, quando fez doação do terreno para a Santa Casa de Misericórdia da cidade, com a condição de fundar e administrar, perpetuamente, o Instituto Borges de Artes e Ofícios.

Espaço Cultural “Almeida Júnior”
O majestoso sobrado, na esquina da Rua Paula Souza com o Becão Passeio Público Marcos Steiner Neto, abrigou por muitos anos o Grupo Escolar “Dr.Cesário Motta”. Foi construído pelo Barão de Itu, Bento Paes de Barros, para residência da família, e inaugurado em 1858.A 31 de março de 1989, aí foi criado o Espaço Cultural “Almeida Júnior”, homenageando o famoso pintor ituano durante todo ano, com exposições de artes e diversas atividades culturais, sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Cultura. Lá funcionam também, o Mahmi – Museu e Arquivo Histórico Municipal de Itu e Museu de Arte Sacra “Padre Jesuíno Do Monte Carmelo”, o Museu do Disco - Discoteca “Newton C. Costa” e a Biblioteca Pública Municipal “Professor Olavo Valente de Almeida”. Sito à Rua Paula Souza, 664 . Horário de visita: das 9 h às 17 h. Fones para contato: (011) 4022-5147/4023-2209. Local onde funciona a Secretaria de Cultura.

Casa do Barão

No mesmo local onde hoje se encontra a Secretaria de Turismo e que até pouco tempo abrigou o Paço Municipal, existiu por quase um século, um imenso sobrado, construído por volta de 1847, em taipa de pilão e pau a piquel, que serviu de residência à família de Bento Dias de Almeida Prado, o Barão de Itaim e sua esposa Ana Eufrozina. O Barão foi uma figura de destaque na estrutura econômica e na política ituana do Tempo do Império. O seu nome ficou indelevelmente registrado nas crônicas e na História local, e dá nome a essa importante via pública do centro histórico, que anteriormente chamava-se rua do Carmo. O prédio de dois pavimentos foi demolido quase ao fim da década de 1940. De sua existência restaram lembranças orais, anotações em documentos cartoriais e uma ou outra fotografia.
Rua Barão de Itaim, 140. (11) 4023-1544.

Casa Imperial
A casa encomendada por Francisco Souza, construída com muito requinte e fino acabamento, e que pertenceu posteriormente a Carlos Pereira, hospedou em 1884 a Princesa Isabel e seu consorte Conde D’Eu.. Por essa razão o solar ficou conhecido como Casa Imperial. Restaurada pelo casal Sebastião Gomes Caselli e Maria Lúcia de Almeida Marins e Dias Caselli, a Casa Imperial, situada na praça D. Pedro I, é um dos marcos significativos das antigas residências de Itu.

Regimento Deodoro (Colégio e Igreja São Luiz Gonzaga)
O Colégio São Luiz fundado em 1867 foi erguido em terrenos do antigo Seminário do Bom Conselho, por padres da Companhia de Jesus, vindos de Roma. Em 1872, o Colégio já contava com elegante igreja e imponentes edifícios, reunindo anualmente cerca de 400 alunos vindos de toda a Província. Aí funcionou até o ano de 1917, quando foi transferido para São Paulo, passando a propriedade do imóvel para o Governo Federal, que nele instalou o Regimento Deodoro. Fone para contato: (011) 4022-1184

Praça do Quartel

Esta praça tem como patrono a maior, mais representativa e mais gloriosa figura do Exército brasileiro, Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias. Após 1918, com a implantação do Quartel, a Praça Duque de Caxias, que representava o acesso para a estrada de Jundiaí, incorporou-se ao ufanismo e usos e costumes do povo ituano. Dizer para alguém que, ao passar pela Praça do Quartel, fora cumprimentado por algum oficial, era símbolo e sinônimo de status.

Santa Casa de Misericórdia e Capela de São João de Deus
Descrevendo a cidade de Itu em meados do século XIX, antigos cronistas informavam que a imagem de São João de Deus da confraria da Misericórdia era procedente da Itália. A capela fica ao centro do nobre edifício do hospital, considerado o melhor da Província à época de sua construção. Franqueada ao público em 1867, a Santa Casa teve no Barão de Itu um de seus principais benfeitores, sendo responsável por seu funcionamento, as Irmãs de São José. Fone para contato: (11) 4013-8000.

Orelhão de Itu
O Orelhão de Itu é um dos principais pontos turísticos da Estância Turística de Itu, e um dos responsáveis pela fama da "cidade onde tudo é grande". O Orelhão foi cedido pelo ex-ministro das Comunicações, Higino Corsetti, e instalado pela Companhia Telefônica na Praça da Matriz. Homenageado com um banquete na cidade, ele encerrou seu discurso com as seguintes palavras: "O Brasil é grande, mas eu sei que Itu é maior. E a Telesp não podia deixar de instalar, na cidade um orelhão à altura da sua fama", com sete metros de altura. No começo os habitantes da cidade duvidaram que a Telesp poderia instalar um orelhão gigante na cidade, mas isso aconteceu. Feito na mesma fábrica que produzia os orelhões comuns, nasceu o "Orelhão de Itu", instalado num poste do jardim da matriz, atraindo a curiosidade de turistas e visitantes.

Cidade das Crianças - Centro Infantil de DiverSão

Inaugurada no dia 12 de outubro de 1986. A Cidade das Crianças é um local específico para as crianças aproveitarem as horas vagas do dia. Possuí Play ground para crianças com idade até 06 anos; gira gira e foguetão para crianças de 07 a 14 anos. Além dos brinquedos, o parque conta com diversos atrativos para a criançada: Banco de Areia, Casa do Tarzan, Pista de Skate, Casa de Boneca, Lanchonete, Banheiro Masculino e Feminino, Coreto para apresentações infantis, Lago e diversas árvores. A Cidade das Crianças fica na rua França, 102 - Vila Roma Brasileira. Horário de funcionamento: das 08h00 às 18h00 - de 2ª à Domingo. Entrada Gratuita. (11) 4013-0366

Kartódromo Arena Schincariol
Localiza-se na Estrada do Canguirí, s/n – Itaim.
Tel: (11) 4023-1590. Website: www.arenaschincariol.com.br. Aberto de Terça a Domingo, das 8:00h às 16:45h. Possui uma pista profissional aprovada pela Federação Mundial de Kart, estacionamento, lanchonete, arquibancada coberta para 1.200 pessoas e restaurante com cozinha própria.

APA - Bosque Alceu Geribello
Localizada no Bairro Brasil, entre as Ruas Sergipe, Campo Grande e Niterói, foi doada por Alceu Geribello. Em 1940 foi inaugurada como Bosque recebendo o nome de seu doador. Aberto à visitação de terça à Domingo das 8:00h. Às 18:00h. Entrada gratuita. Criada com o objetivo de proteger e preservar o meio ambiente.

Parque do Varvito

O Parque do Varvito, um verdadeiro monumento geológico inaugurado em 23 de julho de 1.995, já recebeu desde sua inauguração mais de 500 mil visitantes, entre turistas, estudantes e pesquisadores. Patrimônio tombado pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turismo do Estado de São Paulo), o Parque do Varvito foi construído numa Área de 44.346 m2 da antiga pedreira. Varvito é o nome utilizado pelos geólogos para dominar um tipo de rocha sedimentar única, formada pela sucesSão repetitiva de lâminas ou camadas, cada uma delas depositada durante o intervalo de um ano.

O Varvito de Itu é a mais importante exposição conhecida desse tipo de rocha na América do Sul. Em termos geológicos, o varvito faz parte de um pacote de rochas sedimentares que contêm evidências de uma extensa idade glacial, há 280 milhões de anos, quando um enorme manto ou lençol de gelo cobriu a região sudeste da América do Sul. O Parque do Varvito, além de oferecer ambiente agradável em contato com a natureza e com painéis didáticos sobre a manifestação geológica, mantém outros atrativos para os visitantes: lanchonete/restaurante, bosques, lago, cascata, quiosques, play ground, anfiteatro ao ar livre e espaço para exposições, além de exposições, de estacionamento para carros, motos e ônibus.

O Parque do Varvito está localizado à rua de mesmo nome, no Pq. N. S. da Candelária , a 1.400 metros do centro histórico de Itu e a 400 metros da Rodovia Santos Dumont. Funciona das 8 às 17 horas de terça a domingo. Ingresso gratuito. informações: (11) 4023-1502

Gruta Lágrima do Tempo

Localizada dentro do Parque do Varvito, esta gruta recebe esse nome devido à formação de gotas d’água em sua parede, dando a impresSão de lágrimas.

Estrada Parque
A SP-312, denominada Rodovia dos Romeiros, foi inaugurada em 01 de maio de 1922 e é considerado um marco na implantação da malha rodoviária paulista. O apelido dos "romeiros" se deve a forte tradição religiosa das comunidades do interior, que rumam com charretes, cavalos e a pé com destino ao santuário de Pirapora do Bom Jesus. A arquitetura das sedes das fazendas de café, as edificações simples, a paisagem e as matas de característica Atlântica latifoliada ainda existentes ao longo do Rio Tiête serviram de cenário para mais de 60 filmes. Surgiram diversas Áreas de 3 campings, restaurantes, casa de doces, comidas típicas em seu percurso.

Este conjunto de características específico evidenciou a necessidade de transformá-la, em uma Estrada Parque unindo o trinômio: lazer, preservação e cultura. Esta estrada, está inserida na APA- Rio-Tietê criada pela lei em 1991. A estrada ainda não estava inaugurada quando começou a ser usada para passeios, festividades e piqueniques. O próprio Washington Luís e sua comitiva utilizavam a Gruta, em 18 de fevereiro de 1922, para um piquenique. Pouco a pouco, desde os tempos de Washington Luís até nossos dias, a estrada transformou-se em uma imensa Área de lazer e ganhou também ares de caminho natural das romarias à Pirapora do Bom Jesus.

Washington Luís era um estudioso da História do país e como autor de livros e artigos sobre o assunto, tinha como projeto realçar o papel dos paulistas na construção da Nação. Idealizou em todas as suas obras, monumentos e marcos que destacavam a importância dos paulistas na conquista e formação do território nacional. A Rodovia São Paulo/ Mato Grosso, especialmente o trecho entre São Paulo e Porto Feliz, rememora a saga dos paulistas e uniu sua formação intelectual à sua proposta de Governo no cuidado que dedicou ao antigo caminho bandeirista. Determinou a pavimentação da estrada e vislumbrou a possibilidade de sua utilização como imenso espaço de lazer e turismo.

Assim fizeram com que seu secretário de obras, Heitor Penteado, executa-se a construção de muradas, mirantes, bancos e mesas em pontos estratégicos, como a Gruta da Glória. Próximo à cidade de Itu, algumas fazendas de café e suas sedes de arquitetura típica, (Fazenda da Serra, da Ponte e Paraíso, ainda conservadas) receberam melhorias nos caminhos de acesso. Para o trecho da estrada, entre Cabreúva e Itu, considerado por ele o mais belo, Washington Luís idealizou e mandou construir muradas, mirantes e bancadas. A região reúne, além do rico patrimônio natural, um imensurável acervo cultural, arquitetônico e histórico.

O "marco do progresso", como era apontado pelos romeiros em uma das paradas da estrada e que espelha a industrialização do interior paulista é a Usina de São Pedro. construída em 1911 para gerar energia para as fábricas São Pedro e Maria Cândida, de tecelagem e fiação. Valendo-se das corredeiras do rio Tietê, a usina gerava mais energia que o necessário para suas indústrias e com a sobra abastecia todas as fazendas da região e a cidade de Cabreúva, até 1974 quando a concesSão de energia foi vendida para a CESP. Fone para contato, meio ambiente – 4024-0600 (ramal 230 / 221 – Valéria).

Igreja do Senhor Bom Jesus e Santuário
A Igreja do Bom Jesus abriga desde o princípio do século XX, o Santuário Central do Apostolado da Oração no Brasil, devoção que havia sido instalada nessa igreja a partir de 1871, pelo Padre Bartholomeu Tadei. Situada à praça Padre Anchieta, a igreja do Bom Jesus teve como construtor o Padre Manoel da Costa Aranha. Foi erguida no local onde existiu a primitiva capela que datava do século XVII e que, durante muitos anos, serviu como Matriz de Itu.
Fone para contato: (11) 4022-3871 Endereço - Praça Padre Anchieta, s/n º - Centro. Horário de visitação: de segunda a sexta - 6:00h as 11:00h; 14:00h as 18:00h, aos sábados – 6:00h as 11:00h; 15:00h as 18:00h e aos domingos - das 6:00h às 10:00h; 16:00h às 19:00 h.

Igreja de São Lázaro ou Igreja Nosso Senhor do Horto
Esta capela, segundo informa Azevedo Marques em 1879, fica a um quilometro da cidade e pertence ao hospital de lázaros. A capela e o hospital foram edificados pelo benemérito ituano Padre Antônio Pacheco e Silva, e foram as obras concluídas em 1806. A partir de 1869, Padre Bento Dias Pacheco entrou como capelão, ganhando forma por sua caridade e dedicação aos doentes pobres. Padre Bento faleceu em 1911, e desde então a antiga capela do Senhor do Horto tomou seu nome. Fone para contato: (11) 4022-3841.
Horário de visitação: aos domingos – das 08:00h às 09:00h.

Igreja e Colégio de Nossa Senhora do Patrocínio
O Patrocínio ficou famoso a partir de 1859, quando passou a abrigar um Colégio para meninas, sob a responsabilidade das irmãs de São José. Na Igreja está sepultada sua primeira superiora, Madre Maria Theodora Voiron, cujo processo de beatificação está hoje em andamento. A Igreja entretanto, é bem mais antiga. Idealizada por Padre Jesuíno do Monte Carmelo, arquiteto, operário, artista e devoto de Nossa Senhora do Patrocínio, foi inaugurada em 1819, recebendo alterações arquitetônicas no final do século. Agendar: (11) 4022-2107 - Endereço Praça Regente Feijó, s/n º - Centro.
Horário de visitação: de domingo a sexta-feira – 14:00h as 17:00h.

Igreja de São Benedito

Dentre todas as igrejas do centro histórico de Itu, a mais nova é a de São Benedito.
Situada na Rua Santa Cruz, esquina com a XI de Novembro, teve iniciada sua construção a 29 de junho de 1908, em terreno doado por um italiano de nascimento mas fervoroso devoto de São Benedito, que há muito residia nesta cidade e aqui havia constituído família, chamado Miguel Véspoli.

Em 22 de maio de 1910, mesmo não estando ainda concluídas todas as obras foi feito o benzimento da nova igreja pelos Padres José Visconte, Elisiário de Camargo Barros e Pe. Bassano Faine.
Em 1928 deu-se o término de sua construção.
Horário de visitação: terça a sexta-feira - 13:00h as 17:00h, sábado e domingo – 8 :00h as 12:00h.
R. Santa Cruz, 600 – Centro. Fone: (11) 4022-4971.

Igreja Nossa Senhora da Candelária
A Matriz de Nossa Senhora da Candelária foi construída em 1780 sob orientação do Padre João Leite Ferraz de Arruda. Recebeu depois, sucessivas reformas, em que se destaca o trabalho de Ramos Azevedo e deAntonio Francisco de Paula Souza. Existem no interior do templo obras valiosas de talhas e de pintura, de autoria de José Patrício da Silva, do Padre Jesuíno do Monte Carmelo e de Almeida Júnior. As telas que forram o teto da sacristia São da artista italiana Lavínia Cereda. Datam de 1878, e foi executado a pedido do vigário ituano Padre Miguel Corrêa Pacheco. Fone para contato: (011) 4023-0638 Endereço Praça Padre Miguel, s/nº - Centro.
Horário de visitação: de segunda a sexta - 8:00h as 17:00h, sábado e domingo – 14:00h as 17:00h.
Igreja de Santa Rita de Cássia
Mathias de Mello Rego e outros, com proviSão do Bispo do Rio de Janeiro e tendo como vigário da paróquia Félix Nabor de Camargo, erigiram esta capela em honra de Santa Rita de Cássia, no ano de 1728. Situada no então ”arrebalde de vila”, no velho caminho que seguia para Jundiaí e São Paulo, a igreja de Santa Rita é um dos mais antigos monumentos religiosos da cidade de Itu preservado em sua arquitetura original. Fone para contato: 4023-7343.
Horário de visitação: segunda a sexta-feira - das 07:00h às 11:00h; 14:00h às 17:00h. Aos sábados: das 08:00h às 13:00h.
Aos domingos: das 08:00h às 12:00h. Endereço - R. Santa Rita, s/n º - Centro.

Igreja, Convento e Seminário de Nossa Senhora do Carmo
Convento do Carmo foi fundado em 1719; a Ordem Carmelita possuía, então, um rico patrimônio em terras, escravos e obras de artes. Em 1782 inaugurou-se a Igreja, que surgiu da ampliação da capela-mor e sacristia do Convento. A pintura do forro da nave da Igreja é obra de autoria do Padre Jesuíno do Monte Carmelo. Todo o conjunto é tombado como monumento histórico nacional.
Horário de visitação: segunda a quinta-feira - das 08:00h às 11:00h; 13:00h às 18:00h. Aos sábados e domingos: das 08:00h às 10:00h; 17:30h as 19:00h.

Museu Republicano "Convenção de Itu"
No ano de 1867, foi inaugurado um elegante sobrado, situado então à Rua do Carmo, atual Barão de Itaim, construído a mando de Francisco de Almeida Prado. Por herança passou a pertencer aos filhos, Carlos e José Vasconcelos de Almeida Prado. A fachada foi revestida de azulejo. Foi nesse prédio que, a 18 de abril de 1873, realizou-se a reunião que efetivou as bases do Partido Republicano Paulista, mais conhecida como Convenção de Itu. No Cinqüentenário da Convenção, o sobrado foi transformado em 1923, pelo então Presidente do Estado Washington Luís Pereira de Sousa, em museu, o qual possuí valioso acervo relativo à propaganda republicana, aos republicanos históricos e à memória política de Itu.
Rua Barão do Itaim, 67 - Centro. Fone: (11) 4023-0240 (agendar)
Horário de visita: de 3ª a Sábado - das 10:00h às 17:00h. Domingo - das 09:00h às 16:00h

MAHMI – Museu e Arquivo Histórico Municipal de Itu
Rua Paula Souza, 664 - Centro.
Fone: (11) 4023-0363. Horário de visita: 2ª a Domingo - das 13:00h às 17:00h

Museu de Arte Sacra “Pe Jesuíno do Monte Carmelo”
Rua Paula Souza, 664 - Centro.
Fone: (11) 4023-0363. Horário de visita: 2ª a Domingo - das 13:00h às 17:00h

Museu do Disco - Discoteca "Newton C. Costa"
Rua Paula Souza, 664 – Centro. Fone: (011) 4023-2209
Horário de visita: 2ª a 6ª - das 08:00h às 12:00h

Museu do 2º GACAP - Regimento Deodoro (Quartel)

Praça Duque de Caxias, 284. Fone (11): 4022-1184 (Agendar)

Museu da Energia

Na esquina do Becão com a Rua Paula Souza, defronte ao sobrado do Barão de Itu, existe um outro importante marco da arquitetura urbana de Itu, datado de 1847. Com sua elegante fachada ornada com azulejos portugueses, este sobrado pertencia em 1865 ao Tenente Antônio Correa Pacheco e Silva, irmão do Padre Miguel Pacheco. Nele, posteriormente, funcionou a antiga Companhia Ituana da Força e Luz. Nele, posteriormente, funcionou a Companhia Ituana da Força e Luz, Light and Power (11) 4022-6832

Conjunto Arquitêtonico do Século XIX
O livro “A Província de São Paulo” publicado em 1888, nos informa que Itu, então, contava “com vários largos ajardinados, com ruas muito bem calçadas e os telhados das casas munidos obrigatoriamente de condutores d’ água por numerosos marcos fontanários e iluminada por condutores de querosene”. Data dessa época o conjunto arquitetônico que pode ser visto à Praça Padre Miguel, fazendo esquina com a Rua Madre Maria Theodora. Como se formou este patrimônio? São as realizações, as criações de todos através da História. É o resultado de um trabalho da natureza, de milhões de anos e é o legado de muitas gerações.

É preciso, portanto, preservar o patrimônio de uma cidade. Como? Respeitando, cuidando e protegendo-o. Uma das formas mais eficazes atualmente é promover o tombamento - isto quer dizer criar leis e normas para sua proteção. Trata-se de uma regulamentação por órgão do governo municipal, estadual ou federal. Exemplos de órgãos que fiscalizam o patrimônio São o CONDEPHAAT e o IPHAN. Itu possui uma grande quantidade de monumentos históricos, cuja concentração está na Área central, possuindo outros mais ao redor de toda a cidade.

Tendo como principal meta na cidade a totalização do tombamento dos monumentos históricos, atualmente todos os monumentos históricos e naturais já foram tombados na cidade. Tendo atualmente 20 monumentos centrais passando por diversas reformas, as quais só podem ocorrer se um órgão fiscalizador autorizar, este órgão também pode indeferir a mão de obra dos que farão a reforma.

Parceria Contra Drogas   Projeto Rio Vivo   Combate a Pedofilia na Internet
Início
 
Sua página inicial
 
Nos seus favoritos
 
Topo
Bookmark and Share
ABRAWEB IBAMA Fundação Abrinq
Nós Podemos
Aviso Legal